Aos 29 do mes em terça feira não tomey o sol por estar doente e tãobem por não apareser, e tãobem na nao não ha quem no tome. O vento lessueste d’ontem a tarde nos deixou hir pello nornordeste, durou athe o quarto da prima e se fez nordeste e nornordeste, viramos a nao na volta de lesueste com os papafigos por a vella da gavea estar rota; o vento se foi fazendo norte e toma alguma cousa do noroeste, vamos asy com elle de lesnordeste con vella de gavea por nos ter pera balrravento. Eu dey a nao 12 legoas que podia andar, d’ontem ao meo dia athe o quarto da prima que viramos na outra volta, e sinco legoas a lessudueste (?) pello que podia andar athe o meo dia; faço estar a nao a redor de 33 legoas digo graos, 65 a 70 legoas da mais chegada terra que he a de Ribeira de Natal que demora ao nordeste. Tras nos mortos e cansados tão ma tempo como nos segue ha tantos dias sem fazermos caminho nenhum, sobre tanta doença, tanta mizeria quam padese esta nao. Lembre çe Nosso Senhor de nos e a Virgem do Remedio Madre de Deos.

(via “Uma Viagem Redonda da Carreira da Índia (1597-1598)”, de Joaquim Rebelo Vaz Monteiro, Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, 1985)