Aos 28 do mes en quinta feira tomey o sol e fiquey en 8 graos e 1/2. O vento foi leste e mais desta sangradura foi a proa ao norte e quarta de nordeste e ao nordeste, e ontem ao sair da lua, como a noite entrou, se armou a leste hua trovoada çequa nuns çeos grosços que ahy estavão a tarde e veo com muito vento que nos fez tomar as vellas da gavea e sevadeira, e seguramos a verga grande por a nao não agardar nella porque toda hia debaixo do mar com a muita carga que leva em boca, desceramos o mylho e agoa e não ha remedear esta falta nem que faça diligencia mais que quando se ven en aperto e pasado loguo esquese. Eu acho que a nao que anda muito pouco tendo o vento muito rijo, que hera vento de mais de 30 legoas, e ella não anda mais que 18 legoas; eu lhe dey o caminho ao norte e quarta, e deve de ser agoas que vão do nordeste ao sul e susudueste e nos empede o andar com esta conjunção de cabeça d’agoa de lua chea que foi ontem. Garaginas e alcatrases e hum rabo de junquo e outro rabo forçado. Dey nos Noso Senhor boa viagem e a Virgem do Remedio Madre de Deos.

(via “Uma Viagem Redonda da Carreira da Índia (1597-1598)”, de Joaquim Rebelo Vaz Monteiro, Biblioteca Geral da Universidade de Coimbra, 1985)