Vice-rei da Índia (1530/1535 – 4 de Setembro de 1607), foi o primeiro conde de Santa Cruz. Em 1562, foi nomeado capitão-do-mar e governador de Chaul. No ano seguinte, tornou-se governador de Sofala. Suportou em Chaul, em 1570, os ataques turcos, persas e abexins, apesar de estar em desvantagem numérica. Acompanhou D. Sebastião a Alcácer-Quibir e aconselhou o monarca a não avançar para uma batalha em campo aberto, opinião que não foi seguida. Haveria de ser nomeado em 1581 por Filipe I (II de Espanha) vice-rei da Índia. Em 1596, foi designado capitão donatário das ilhas das Flores e Corvo (Açores) e de Santo Antão (Cabo Verde).

(via “História de Portugal – Dicionário de Personalidades” (coordenação de José Hermano Saraiva), edição QuidNovi, 2004)

Advertisements