Há 10 anos, Portugal acolheu e organizou um grande acontecimento cultural, científico, turístico e humano: uma festa para a qual foram convidados todos os povos.

No ano em que se comemorou o 5º centenário da descoberta do caminho marítimo para a Índia – uma expedição marcante no encontro de culturas, na comunicação entre os povos e na economia mundial da época, dando “novos mundos ao mundo” – a Exposição Mundial de Lisboa, EXPO’98, adoptando como tema central “Os Oceanos, Um Património para o Futuro”, assumia (em ligação com a declaração pela ONU do ano de 1998 como Ano Internacional dos Oceanos) a preservação desse património como uma responsabilidade colectiva perante as gerações futuras.

Expo'98

A partir de amanhã, diariamente, e ao longo das próximas semanas – até ao dia 22 de Maio, coincidindo com a data em que a expedição de Vasco da Gama fundeou em Calecute e, também, com a data que marca o 10º aniversário da inauguração da Exposição -, por aqui procurarei recuperar algumas memórias desse admirável evento, a organização que mais visitantes trouxe a Portugal.

Anúncios