Governador ultramarino (?-1729). Foi alcaide-mor de Proença-a-Velha, mestre-sala de D. Pedro II e de D. João V. Ocupou por três vezes o lugar de governador. Primeiro na ilha da Madeira, depois em Angola (1705-1709) e, finalmente, no Brasil, entre 3 de Maio de 1710 e 4 de Outubro de 1711. Na execução deste último cargo, teve que enfrentar a eclosão de graves revoltas em Pernambuco.

(via “História de Portugal – Dicionário de Personalidades” (coordenação de José Hermano Saraiva), edição QuidNovi, 2004)

Anúncios