Militar luso-brasileiro (Faro, 11 de Setembro de 1767 – Rio de Janeiro, 2 de Agosto de 1836). Foi governador de Elvas e era primeiro-tenente de Artilharia de Faro quando partiu para a Baía. Comandou as tropas que submeteram o Uruguai e ocuparam Montevideu (1817). Aquando da independência do Brasil, pôs-se ao lado de D. Pedro, tendo também tomado como sua a vontade de ver o Brasil independente. Comandou o Exército até à independência do Uruguai (1828) na Guerra Cisplatina. Em 1832, tornou-se marechal. Foi membro do conselho de D. João VI e foi agraciado com a grã-cruz da Ordem de Sant’Iago, tendo obtido as medalhas militares da Guerra Peninsular e a Estrela de Ouro do Rio da Prata. Foi barão de Laguna.

(via “História de Portugal – Dicionário de Personalidades” (coordenação de José Hermano Saraiva), edição QuidNovi, 2004)

Anúncios