Militar (Lisboa, ? – Lisboa, 3 de Fevereiro de 1677). Militar de carreira, serviu em Itália, Malta e Flandres, tendo ainda lutado contra os holandeses no Brasil. Com a Restauração assumiu o posto de mestre-de-campo-general, tendo tomado parte na defesa da fronteira nas Beiras. Governador da praça de Elvas, enfrentou o cerco de D. Luís de Haro (1658), tendo depois, com o marquês de Marialva, alcançado a vitória das Linhas de Elvas (1659), o que lhe valeu ser elevado a conde de Vila Flor. Na invasão do Alentejo, em 1663, venceu também a batalha do Ameixial. Para além de governador da Relação e Casa do Porto, foi nomeado vice-rei do Brasil, mas morreu antes de tomar posse.

(via “História de Portugal – Dicionário de Personalidades” (coordenação de José Hermano Saraiva), edição QuidNovi, 2004)

Anúncios